Tecnologia do Blogger.

Sobre nós

Editoras Parceiras

Curta nossa página

Resenha #125 - Paixão Sem Limites

by - domingo, julho 12, 2015

Nome do Livro: Paixão Sem Limites
Autora: Abbi Glines
Editora:  Arqueiro
Páginas: 192
Encontre-o: Skoob
Compre-o: Saraiva | Americanas | Submarino | Amazon
"Blaire, não sou um cara romântico. Não beijo e abraço. É tudo sobre sexo para mim. Você merece alguém que dê beijos e abraços. Não eu. Eu só sei foder, baby. Você não está destinada para alguém como eu. Nunca me neguei algo que quero. Mas você é muito doce. Desta vez tenho que dizer não."
Blaire chega em Rosemary Beach se sentindo totalmente deslocada. A casa e os carros de luxo onde a nova família de seu pai morava, não condiziam em nada com o que ela conhecia e possuía. Depois de perder a mãe para um câncer há pouco mais de um mês, ela decidira pedir ajuda à seu desprezível pai, mas que era a única pessoa de sua família que havia restado.

Mas ao chegar onde o pai agora morava, acabara descobrindo que ele fora viajar para Paris com a nova mulher, e diferentemente do que haviam combinado, ele não estava em casa. Ao ser apresentada à Rush, o verdadeiro dono da casa e filho da nova mulher de seu Pai, ele acaba deixando-a passar algum tempo em sua casa, até que seus pais voltassem e ele e a filha pudessem realmente conversar.
Blaire começa a trabalhar e diz que muito em breve irá procurar outro lugar para ficar, onde possa pagar. Mas Rush, o bad boy que nunca deu nenhum valor para menina alguma, está lutando com todas as forças para ficar longe de Blaire. Ela o acha atraente, é claro. Não poderia ser diferente. E ela também tenta ao máximo se controlar para que as coisas não fujam de seu controle, mas até quando os dois conseguirão se manter um longe do outro?

"– Você abriu a minha porta sem bater. Fiquei com medo.
– E a sua reação instantânea quando sente medo é apontar uma arma? Caramba, menina, de onde você é? A maioria das garotas que eu conheço daria um gritinho ou alguma coisa assim."
Rush é o típico bad boy que sempre tivera tudo o que quisera, era cheio da grana, filho de um astro do rock e levava cada dia uma garota para sua casa. Já Blaire, mesmo sendo uma garota linda e extremamente sensual, ainda era virgem. Mesmo evitando ficar perto dela, Rush sabia que não conseguiria.

Sempre que ela o vê com alguma outra garota, o sentimento de ciúmes é inevitável, mas Blaire sabe que precisa ficar longe de Rush. Garotos como ele, não se apaixonam por garotas como ela. E os dois então, acabam se tornando amigos, quando na verdade queriam ser muito mais do que isso. Mas muitas vezes, o amor acaba surgindo de onde menos se espera...

Mas Rush guarda um segredo de Blaire, algo que quando ela descobrir, poderá significar o fim de tudo o que eles tem e do futuro que poderiam ter juntos.
"Pude ver o desespero na sua expressão. Sabia que ele estava confuso e até com um pouco de medo, mas havia também amor: pude ver esse amor, essa intensidade no seu olhar, e acreditei. Vi isso com clareza, só que agora era tarde demais. O amor agora não bastava. O amor não basta quando a nossa alma está em pedaços."
Fui apresentada à essa trilogia pela último livro lançado, "Rush Sem Limites". Me apaixonei de um jeito tão profundo pelo modo como ele contava os fatos através de sua perspectiva, que tive que ver com meus próprios olhos o restante da trilogia. E esse foi o resultado: estou totalmente apaixonada. Tanto pela história quanto por Rush. Mesmo cometendo seus erros e deslizes, ele é aquele cara que você sempre quer ter por perto. Que te protege e faz de tudo para ver um simples sorriso em seu rosto. Estou totalmente ansiosa para ler o restante da trilogia e saber como ela termina.

Classificação: 

You May Also Like

3 comentários

  1. Oi Natália,

    Não tenho muita certeza se gostaria de ler esse livro. Se eu visse na biblioteca para pegar, eu até arriscaria. Mas comprar, eu acredito que não. Não é o tipo de história que goste, e até porque a série é um pouco grandinha...

    Beijos e gostei da resenha,
    Lucas
    ondeviveafantasia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bom?
    Adoro a escrita da Abbi, ela deixa tudo mais envolvente. A única coisa que eu não gostei muito é que eu achei algumas cenas um tanto desnecessárias, talvez uma forma que ela, ou a editora, achou para vender mais, visto o sucesso que 50 tons fez. Mas mesmo assim sou fã da série e aguardo os novos lançamentos. Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Resenha show! Deu até vontade de reler.
    http://cholandaoficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir