Tecnologia do Blogger.

Sobre nós

Editoras Parceiras

Curta nossa página

Resenha #135 - Eu Te Darei o Sol

by - domingo, agosto 02, 2015


Nome do Livro: Eu Te Darei o Sol
Autora: Jandy Nelson
Editora: Novo Conceito
Páginas: 384
Skoob
Saraiva | Americanas | Submarino | Amazon

"Às vezes, quando se surfa, você pega uma onda e percebe que está “sem chão”, e de repente, sem aviso, você se vê caindo diante da parede de água. Sinto-me assim."

Eu Te Darei o Sol nos mostra como dois irmãos gêmeos podem ser tão parecidos e tão diferentes ao mesmo tempo. Nos mostra que mesmo enquanto querem machucar um ao outro, nunca conseguem fazer isso. Nos mostra o amor verdadeiro e a descoberta dele. Nos mostra o que realmente significa amar alguém e os sacrifícios que devemos fazer por quem amamos.

O livro nos apresenta Noah e Jude, o tipo de irmãos gêmeos que fazem tudo juntos, pensam praticamente da mesma maneira e se sentem como se fossem um só. Mas ao mesmo tempo, vivem competindo pela atenção dos pais.

Noah é um artista, sensível e muito tímido, que vive em sua "bolha". Já Jude é o oposto, determinada, popular, desejada e impulsiva. Como se não fosse o bastante competir pela atenção dos pais, agora competem também pelo novo vizinho, Brian, que se tornara o melhor amigo de Noah. Tudo isso ao mesmo tempo em que Noah e Jude competem também por uma vaga na melhor Escola de Artes da Califórnia, que é o sonho do irmão, mas não da irmã.

''Por isso é que ninguém nota que Jude fala por nós dois, por isso é que conseguimos tocar piano somente a quatro mãos, nunca sozinhos, por isso é que nunca brincamos de joquempô, porque nunca em treze anos, escolhemos coisas diferentes. É sempre assim: duas pedras, dois papéis, duas tesouras. Quando não nos desenho assim, eu nos desenho como pessoas pela metade.''

Mas conforme as crianças vão crescendo, as coisas começam a mudar. Não são mais tão próximos quanto antes, e acabam transformando a vida do outro em um inferno quando as coisas não saem como o previsto. 

E o que antes já estava em um processo de mudança, acaba se radicalizando ainda mais depois da morte de sua mãe. Depois de Noah ter sido rejeitado pela escola de artes e Jude não, ele destrói todos os seus desenhos e obras de arte que já fizera, e desde aquele dia, nunca mais pegara em um lápis para desenhar. Ele também mudou seu comportamento, sua essência, não é mais aquele garoto alegre de quando era criança, ele vivia se escondendo de si mesmo e dos outros, mas mascarava isso fingindo não ligar para mais nada. 

Jude, que entrara para a Escola de Artes da California, tem todas as suas esculturas quebradas pelo espírito de sua mãe, então, para fazer as "pazes" com ela, Jude decide fazer uma escultura em pedra, que sua mãe não conseguiria destruir. Então precisa tentar convencer um dos maiores artistas que trabalham com pedra para ser seu instrutor durante as férias, mas o problema é que ele se tornara amargo e não aceitava mais ter nenhum aluno. Jude então, acaba transformando isso em sua meta, e quer a todo custo que ele a ensine a fazer isso. 

''Não vejo a menina que subiu na minha escada de incêndio, que acha que derramar açúcar vai mudar sua vida, que acredita que está correndo perigo mortal por causa de um gato, que chora porque não vou ajudá-la. Não vejo a menina que me disse ser tão triste quanto eu sou, que diz que sua mãe furiosa quebra suas obras. Onde está essa menina?"

Na busca pela aprovação do espírito de sua mãe em relação à suas obras de arte, Jude não mede esforços para conseguir o que tanto queria, o que acaba conseguindo. Mas no caminho, muitos segredos serão revelados, segredos que possuem o poder de destruir de uma vez por todas o que restou de sua família. Segredos incontáveis e inimagináveis. Mas também, a busca pelo amor e pelo perdão. Pela verdade e por tudo o que ela traz consigo. Muitas vezes, o amor aparece nas situações em que menos imaginamos e quando mais precisamos.

Eu Te Darei o Sol é uma história maravilhosa e que nos conquista no fundo de nossa alma. Nos impressionamos muito com os personagens e eles nos cativam verdadeiramente. Sentimos uma enorme conexão com eles e torcemos para que no final tudo possa ficar bem. Estou realmente apaixonada por esse livro, esses personagens, esse enredo. Um dos livros mais bem escrito que já li em toda minha vida. Estou totalmente fisgada por Noah e Jude, assim como por todos os personagens que transformaram o livro no que ele é.

“- Ah, claro – diz ela, surpreendendo-me completamente. – Eu te darei o sol.”

Classificação: 

You May Also Like

4 comentários

  1. Essa capa é muito linda, estou apaixonada pela sinopse.
    http://cholandaoficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Acho essa capa linda e a trama também parece ser bem legal e tocante. Parabéns pela resenha ♥

    Lauren | Blog Estante Gigante
    http://blogestantegigante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bom?
    Essa capa é muito linda! Mas não acho que leria no momento..
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Nossa, Natália, que linda resenha, fiquei bem curiosa para ler o livro depois dela. Deve ser realmente uma história bonita desses irmãos, fico imaginando como será a relação deles no fim do livro, depois de tudo que passaram, e se conseguiram se acertar.

    ResponderExcluir