Tecnologia do Blogger.

Sobre nós

Editoras Parceiras

Curta nossa página

Resenha #86 - A Última Música

by - segunda-feira, janeiro 26, 2015

Livro : A Última Música
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
ISBN:9788563219077
Páginas:383 
A vida é um piano. Teclas brancas representam a felicidade e as pretas a angústia. Com o passar do tempo você percebe que as teclas pretas também fazem música.
Sinopse :  Aos dezessete anos,Verônica Miller, ou simplesmente Ronnie,vê sua vida virar de cabeça para baixo,quando seus pais se divorciam e seu pai decide ir morar na praia de Wrightsville, na Carolina do Norte.Três anos depois,ela continua magoada e distante dos pais,particurlamente do pai.Entretanto,sua mãe decide que seria melhor os filhos passarem as férias de verão com ele na Carolina do Norte.
O pai de Roniie,ex-pianista,vive tranquilamente na cidade costeira,absorto na criação de uma obra de arte que será a peça central da igreja local.Ressentida e revoltada,Ronnie rejeita toda e qualquer tentativa de aproximação dele e ameaça voltar para Nova York antes do verão acabar.É quando Ronnie conhece Will, o garoto mais popular da cidade, e conforme vai baixando a guarda,começ a apaixonar-se profundamente por ele,abrindo-se para uma nova experiência que lhe proporcionará uma imensa felicidade-e dor- jamais sentida.
Às vezes você tem que estar longe das pessoas que você ama, mas isso não faz com que você as ame menos. Às vezes faz que você as ame mais.

O livro "A Última Música" do autor americano Nicholas Sparks, trás ao leitor uma história incrível, que muito possivelmente se tornará inesquecível na memoria de quem lê-lo. A historia fala de amor ,carinho e compreensão - o primeiro amor, o amadurecimento, a relação entre pais e filhos, o recomeço e o perdão - deixando o leitor em prantos e querendo saber mais depois que chega ao fim.

Verônica Miller, ou melhor Ronnie é uma adolescente revoltada, desde a separação dos pais. Ela se tornou rebelde e vegetariana, ela sente magoas pelos pais e acaba transformando isso em atitudes ruins na própria vida. Mora com a mãe e o irmão mais novo em Nova York, onde tem amigas que não a ajudam em nada, pelo contrário, só mal influenciam.

No verão, sua Mãe resolve levar a ela e ao irmão para passar as férias com o pai, que mora no litoral da Carolina Do Norte, deixando Ronnie completamente revoltada com a atitude da mãe. Ela vai e passa a maior parte do tempo ignorando o pai. Ronnie acaba fazendo uma amizade por lá, mas essa por sua vez também não tem boa conduta, fazendo com que a própria Ronnie seja presa.

Paralelamente a sua mais nova "amizade", Ronnie conhece um jogador de vôlei de praia, Will, loiro, de olhos claros, ela se encanta por ele e vice-versa. Mas, como nem tudo são borboletas no estomago, Ronnie não admite que achou ele interessante, mas ele vai atrás dela, na verdade o destino meio que faz eles passarem algumas noites juntos.

Will consegue transformar o verão de Ronnie, e eles percebem que um virou fundamental na vida do outro, juntos enfrentam muitas coisas, isso acontece só em um verão. Mas verões chegam ao fim...
O amor é frágil. E nós nem sempre somos os seus melhores cuidadores. Acabamos de escapar de alguma maneira e fazemos o melhor que conseguimos. E esperamos que esta coisa frágil sobreviva contra todas as probabilidades.
Com o fim do verão e depois dos ultimos acontecimentos, Ronnie é obrigada a voltar pra Nova York, mas ela mal sabe que seu amor de verão tem grandes chances de virar primavera também. Além do romance entre Ronnie e Will o livro retrata a frágil relação entre o pai e a filha, e também mostra que o amor é sim a força que pode superar qualquer barreira e que independente do que aconteça ele sempre vence.  

You May Also Like

6 comentários

  1. Oi Larissa, tudo bem??

    Adorei a resenha linda... achei super válida... porque ganhei um exemplar desse livro.. e mesmo que eu não esteja tão empolgada para ler porque não tive uma boa experiência com a minha primeira leitura do autor... eu quero sim conhecer as outras obras dele e não me deixar pela primeira vez... afinal eu ganhei o livro preciso ler... acho que vou colocar ele nas minhas leituras de fevereiro... eu assisti o filme e achei fofo e bonitinho... espero gostar tanto do livro... Xero!!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Diana,tudo ótimo!
      Que bom que minha resenha te agradou ....Confesso ser meio suspeita pra falar sobre o Nicholas Sparks, porque tenho todos os livro dele, e algumas leituras dele também já me decepcionaram ,mas garanto que este é incrível,acredito que você não irá se arrepender.Em relação ao filme, é bem parecido com o livro, o filme é rico em detalhes,o que ajuda muito a deixar bem próximo do livro. E livro ganhado tem que ser lido!! Boa Leitura!!
      Beijoss!

      Excluir
  2. Oi Larissa, tudo bem?
    Gostei da resenha, achei que você colocou o essencial para instigar as pessoas a lerem. Esse é um dos poucos livros que gosto do Nicholas Sparks, senão o único, acho que ele é muito fofo, me fez chorar em alguns momentos, em outro me fez rir, e também me fez ficar suspirando pelo Will.

    ResponderExcluir
  3. Oi Amanda, tudo bem!
    Que bom que você gostou da resenha.Esse também é um dos meus livros favoritos do Nicholas.E eu também suspirei pelo Will.
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  4. Como disse anteriormente esse é um dos meu livros favorito, amo o filme também mas, como sempre, o livro é melhor.

    ResponderExcluir
  5. Foi o primeiro livro que eu li do Nicholas, depois disso me tornei fã dele. É um livro envolvente, com uma história bonita e eu chorei horrores! Mas nunca assisti o filme
    Beijos

    ResponderExcluir