Tecnologia do Blogger.

Sobre nós

Editoras Parceiras

Curta nossa página

Trechos do livro "A Viagem do Tigre".

by - domingo, julho 28, 2013


Quem é que lê um livro e não fica babando por alguns trechos perfeitos e maravilhosos que encontramos ao longo da leitura? Pensando nisso, separei os melhores trechos do livro A Viagem do Tigre especialmente para vocês! Espero que gostem, beijos.



Quem diria que a vida e o amor pudessem ser tão complicados?

Essa nova relação de amizade era meio esquisita. Eu não sabia muito bem como falar com este Ren diante de mim. Queria que ele fosse igual ao meu Ren. Em muitos aspectos ele era. Mas como se pode ser a mesma pessoa com um grande pedaço da vida faltando?

Você me tirou a coisa mais importante do mundo! Arrancou o meu coração, o esmagou nas mãos e deu para os macacos brincarem. Eu não devia ter confiado em você! Que idiota eu fui de acreditar que gostava mesmo de mim. Que se importava comigo. Que tínhamos que ficar juntos. Você não passa... não passa de um travesseiro quadrado. E recentemente descobri que gosto dos redondos! 

- Você sempre foi uma garota assim teimosa, cega e obtusa?
- Está me chamando de burra?
- Estou, só que de um jeito mais poético.  

Quão pobres são aqueles que não têm paciência! Qual ferida se cura se não for gradativamente? 

- E já que estamos confessando tudo... eu adoro os seus poemas. Para mim, são mais preciosos do que qualquer outra coisa. E... sinto sua falta. É difícil, estranho e perturbador estar perto de você sem estar com você. Ah, e tem mais uma coisa: aquela musica, a que você não consegue se lembrar, é uma das que escreveu para mim. E eu prometi... prometi nunca mais abandonar você. 

Acho que não posso prometer isso. A sua vida é mais importante do que o meu desejo de tê-la por perto. Mas vou ficar com você enquanto puder.  


- Você ainda...me ama?
Olhei para aquele rosto lindo e fui tomada pela emoção. Meus olhos se encheram de lágrimas. Fiz uma pausa de apenas um piscar de olhos antes de assentir uma vez.
- Sim, eu ainda amo você.
- Então, que se danem as consequências. 

Shakespeare também disse: "Não cabe às estrelas controlar nosso destino, mas a nós mesmos". Nós vamos fazer o nosso próprio destino. Vamos moldar a nossa vida do jeito que quisermos. Quero você na minha vida. Escolhi você antes e escolho de novo. Vamos simplesmente ter que lidar com as barreiras físicas. Prefiro estar perto de você desse jeito a estar longe.  

- Não quero que Kishan ponha as mãos em você. Posso fazer a massagem e aguentar o sofrimento.
- Não precisa. Ele é perfeitamente capaz.
- Kishan é capaz de muitas coisas, e roubar namoradas está no topo da lista de habilidades dele.  

- Mas isso não significa que eu esteja errado em querer seguir em frente com nosso relacionamento. Eu simplesmente sinto que você é a garota certa. Em todos os aspectos possíveis. - Ele sorriu. - E então? Vai voltar a ser minha namorada?
- Na verdade, nunca deixei de ser sua namorada. Sempre fui sua.  

- Mas lhe digo agora, mocinha: sem o seu amor, a vida não é nada. Sem o seu par, você fica totalmente sozinha. Ela largou o bastidor e agarrou minhas mãos. - Acima de tudo, imploro para que você confie em quem ama.  

- Não. Tudo bem. Agora eu compreendo. Eu não estava pronto para ter um relacionamento naquela época. Não tinha nada a oferecer. Não para uma mulher deste tempo. Mas Shangri-lá me deu algo mais valioso do que mais seis horas por dia como homem. Me deu esperança. Uma razão para acreditar. Por isso, esperei. Aprendi a ser paciente. Aprendi a viver neste século. E agora... o mais importante, acho que finalmente aprendi o que significa amar alguém.

Fiquei piscando estupefata, sem acreditar, quando uma cadeira de piscina passou voando por mim com um assobio e caiu no mar, fazendo barulho, levando a louça, as taças, o bolo e as velas da mesa consigo. Kishan olhou para mim, confuso, e então ficou paralisado quando ouviu uma voz irada no escuro, vinda de algum lugar acima de nós, que ameaçava:
- Solte-a. Agora.  

- Você está se esquecendo de uma coisa, iadala. O amor não é uma consequência. O amor não é uma escolha. O amor é uma sede... uma necessidade tão vital à alma quanto a água é para o corpo. O amor é um líquido precioso que não só alivia uma garganta seca como também revigora o homem. Dá forças suficientes para que ele se disponha a matar dragões pela mulher que lhe oferece esse sentimento. Se você tirar esse líquido do amor de mim, vou ressecar e virar pó. 

- Talvez. Vai ver é porque eu sou covarde. Shakespeare escreveu: "Os covardes morrem muitas vezes antes da morte, os valentes só experimentam a morte uma vez."
- Como é que isso faz de você um covarde?
- Porque já morri muitas mortes, quase todas por você, e ainda estou vivo. Tentar ter um relacionamento com você é a mesma coisa que tentar resgatar alguém do Hades. Apenas um tolo iria voltar repetidas vezes para uma mulher que briga com ele a cada passo do caminho.
- Ah, mas isso faz de você um tolo, não um covarde.
- Talvez eu seja os dois.  

- Eu morro um pouquinho toda vez que nos separamos, Kelsey. 

- Eu sei que o que eu fiz a magoou, magoou nós dois, e também sei que magoou Kishan. Se eu fosse um homem mais corajoso, deixaria as coisas como estão, mas não consigo. Você perguntou por que sou covarde. Sou covarde porque me nego a ficar sem você. Não sou capaz de imaginar uma existência feliz se você não fizer parte dela. Não consigo se quer considerar essa possibilidade. Então, é melhor se acostumar, porque não vou parar de tentar conquistar você. Se essa for uma batalha pelo seu coração, iadala, então, estou pronto. Mesmo que no fim eu descubra que estou lutando contra você

- Para muita gente, o amor é uma moeda de duas faces. Pode fortalecer ou enfraquecer, expandir ou encolher, enriquecer ou empobrecer. Quando o amor é correspondido, nós florescemos. Somos levados a alturas jamais vistas, onde ele nos delicia, revigora e embeleza. Quando o amor é tolhido, nós nos sentimos aleijados, desconsolados e deprimidos. Eu sempre amei e sempre vou amar você, Kelsey. Nada na Terra ou nos céus pode mudar esse fato. Se você polir a moeda, vai enxergar apenas o amor correspondido dos dois lados. Fui destinado a amar você e serei seu para sempre. 

- Se, no final disso tudo, eu puder ficar com você, terá valido a pena. "Só um homem que sentir o maior desespero é capaz de sentir a maior alegria".

- Está certa. Não me importo. E sim, reconheço, estou mesmo com ciúme. Tenho ciúme de cada minuto que você passa com ele, de cada expressão preocupada que você mostra por ele, de cada lágrima derramada, de cada olhar, de cada toque e de cada pensamento. Tenho vontade de despedaçá-lo e de expurgá-lo da sua mente e do seu coração. Mas não posso fazer isso.  

- Mas o pavio está aceso. Pode correr quanto quiser, mas está deixando um rastro de pólvora pelo caminho. Mais cedo ou mais tarde, você vai se dar conta disso. - Ele deu mais um passo, segurou meu queixo e ergueu minha cabeça até eu olhá-lo nos olhos. - Você precisa saber que eu também estava lá na toca do dragão. Estava naquele mundo enevoado de sonho com você. Ouvi suas confissões secretas. Sei quais são os sentimentos mais profundos do seu coração. O seu lugar nunca vai ser ao lado dele. Você é minha, e está na hora de se conformar com isso.  

- Acho que não consigo ser tão generoso assim. Sabe, eu a amo desde o momento em que coloquei os olhos nela. Fui torturado a ponto de morrer em nome dela. Eu viajaria o mundo todo para vê-la sorrir, para fazer com que fosse feliz. Quando ela se tornar sua, dragão, e tramar os fios do Lenço em volta do seu coração, provavelmente irei murchar e morrer, porque estou tão preso a ela quanto a trepadeira que se agarra a uma árvore em busca de sustento. Essa mulher me amarrou a ela por toda a eternidade. Ela é o meu lar. É  minha razão de ser. Vencer e ficar com o coração dela é minha única motivação.  

Quase vencedores nunca são lembrados. Ninguém se importa se você quase fez uma cesta. Quase virou o placar quando o juiz apitou o fim do jogo. Quase deu o passe perfeito. O que conta é o placar final. Eu era um técnico que tinha mandado para o bando o jogador novato que era a estrela do time. Eu tinha meus motivos, mas os torcedores não se importavam com isso. A única coisa que viam era um técnico que tinha tomado uma decisão que eles consideravam péssima. 






You May Also Like

6 comentários

  1. Amei o post!!!.
    http://meumundorosapynk.blogspot.com.br/
    Beijocas

    ResponderExcluir
  2. Gostei dos trecho, me deixou mais curiosa sobre o livro!!!

    ResponderExcluir

  3. doprefacioaoepilogo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir